sábado, maio 21, 2022

Últimas Postagens

Seu dinheiro do Auxílio Brasil pode aumentar com esses novos critérios: Veja

Seu dinheiro do Auxílio Brasil pode aumentar com esses novos critérios. O programa Auxílio Brasil recebeu mudanças importantes em algumas de suas regras. Isso porque, no último dia 29 de março, o governo federal decidiu realizar  alterações no decreto que regulamenta este benefício social.

Entre as mudanças mais significativas, estão a elevação das faixas de renda elegíveis para o programa, mudanças nas regras para liberação de benefícios e autorização para receber o auxílio em bancos privados.

A renda mensal per capita para que uma família seja considerada em situação de extrema pobreza passa de até R$ 100 para até R$ 105, e para que seja considerada em situação de pobreza muda de até R$ 200 para até R$ 210.

Inclusive, esses valores já vinham sendo considerados pelo Ministério da Cidadania.

Novos critérios que podem aumentar benefício do Auxílio Brasil

O Benefício Compensatório de Transição, destinado àqueles que tiveram perdas financeiras com a transição do Bolsa Família para o Auxílio Brasil, passa a fazer parte temporariamente do novo programa, sendo liberado em no máximo um benefício por família.

A revisão da quantia que cada beneficiário recebe do auxílio deve acontecer em, no mínimo, a cada seis meses.

O benefício poderá ser cancelado caso o valor total recebido com o Auxílio Brasil seja igual ou maior do que o recebido com o Bolsa Família.

Além dele, também constituem benefícios financeiros do novo programa:

  • Benefício Composição Familiar, pago mensalmente no valor de R$ 65 por integrante da família;
  • Benefício de Superação da Extrema Pobreza, calculado por integrante e pago no limite de um benefício por família.
  • Os três podem ser pagos ao mesmo tempo para os beneficiários, isto é, de maneira simultânea.
  • Os requisitos que devem ser seguidos pelas famílias para a continuidade do pagamento dos benefícios são:
    • ter crianças de seis a dezessete anos de idade;
    • ter membros de dezoito a vinte e um anos de idade incompletos e que não tenham concluído a educação básica.

    No caso de mulheres grávidas, o Benefício Composição Familiar chegará ao seu fim depois da liberação da nona parcela.

  • Outro critério para recebê-lo é ter crianças que ainda não tenham completado sete meses de idade. O pagamento será encerrado após o pagamento da sexta parcela.

    O Ministério da Cidadania regulamentará a habilitação, a seleção e a concessão dos benefícios financeiros.

    Além disso, serão beneficiadas pela chamada “regra de emancipação” famílias atendidas pelo Programa Auxílio Brasil que tiverem aumento da renda familiar mensal per capita que ultrapasse o valor da linha de pobreza em até duas vezes e meia.

    Bolsa de Iniciação Científica Júnior

    A  Bolsa de Iniciação Científica Júnior oferece um benefício de R$ 100, pago em doze parcelas mensais, a estudantes. Também pode ser paga em parcela única à família do estudante inscrita no Auxílio Brasil.

    O decreto informa que esses valores podem ser atualizados pelo Poder Executivo federal.

    Para recebê-la, os estudantes devem se inscrever e participar de competições nacionais que tenham apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações.

Latest Posts