segunda-feira, maio 23, 2022

Últimas Postagens

Chuva ganha força no Sul, com trovoadas, ventania e risco de granizo

Nesta quarta-feira (23), o grande destaque da meteorologia são os temporais que ganham força do sudoeste do Paraná ao oeste do Rio Grande do Sul, devido à aproximação da área de baixa pressão atmosférica. A previsão ainda é de acumulados altos de chuva, muitas trovoadas, ventania e risco de granizo nessas áreas.

Por outro lado, o tempo fica firme e com aumento gradativo das temperaturas no meio-leste do Paraná, São Paulo, Goiás, Distrito Federal, Rio de Janeiro, Minas Gerais e oeste da Bahia. Ainda há previsão de pancadas isoladas na serra e no litoral norte do Rio de Janeiro, no nordeste de Minas Gerais e em todo o estado do Espírito Santo, onde os volumes ainda são altos.

Atenção para eventual alagamento e inundações no Espírito Santo e sul da Bahia – nessas áreas, há influência da frente fria que atua em alto mar. Já entre o norte de Minas Gerais e a parte central da Bahia, não tem chovido, o que compromete áreas de milho e algodão. Na Bahia, há locais que não recebem chuva há 30 dias.

Nas demais áreas do Nordeste, os períodos de chuva são intercalados com trovoadas e breves aberturas de sol. Na região Norte, há risco de temporais no leste do Amazonas, oeste e norte do Pará e Amapá.

A tendência é de aumento na chuva no Sul ao longo da semana, devido à formação de uma nova frente fria, o que reforça as instabilidades a partir de quinta-feira (24). Essa chuva pode interromper a colheita do arroz, que está acontecendo na maioria das cidades do Rio Grande do Sul. Lembrando que Uruguaiana foi a área mais afetada pela estiagem e agora pode enfrentar excesso de umidade na hora da colheita.

No Paraná, a chuva é essencial para o bom desempenho do milho segunda safra, que vai enfrentar algumas janelas de tempo seco no meio de abril.

“Abril vai ter episódios de chuva nos primeiros dez e nos últimos dias do mês, mas vamos ter períodos com escassez de umidade”, alerta o meteorologia Celso Oliveira. A chuva também persiste na costa norte, com risco de temporal em alguns pontos.

Enquanto isso, a chuva tende a diminuir no Sudeste, o sol aparece com mais força do meio da semana em diante e esquenta em São Paulo e no Rio de Janeiro

VER MATÉRIA ORIGINAL

Latest Posts