domingo, janeiro 16, 2022

Últimas Postagens

Drone carregando um desfibrilador salva a vida de uma pessoa

Um homem de 71 teve um ataque cardíaco enquanto limpava a neve de sua garagem e acabou recebendo a ajuda crucial de um drone carregando um desfibrilador. O caso aconteceu no mês passado, na cidade sueca de Trollhättan, de acordo com a Everdrone.

A rápida chegada do aparelho ao local foi vital, tendo em vista que, em ocorrências assim, a cada minuto passado sem o devido socorro, a chance de recuperação diminui em 7% a 10%. A morte cerebral ou permanente ocorre no período de quatro a seis minutos após a parada cardíaca. Após dez minutos, poucas tentativas de ressuscitação serão bem-sucedidas.

publicidade

Leia mais:

Imagem: Divulgação/Everdrone

O serviço de Entrega Aérea Médica de Emergência (EMADE) da Everdrone foi projetado para fornecer ajuda o mais rápido possível. Ele permite que os despachantes de emergência enviem um drone de forma imediata carregando o dispositivo para o local necessário.

Dessa forma, é dado início ao processo de salvamento mais rapidamente, antes da ambulância conseguir chegar. No caso do homem de 71 anos, os serviços demoraram três minutos para entregar o desfibrilador em sua casa. Após o tratamento inicial no local, o paciente foi levado às pressas para o hospital e hoje está totalmente recuperado.

Uma combinação precisa

Um médico que passava pelo local a caminho de seu trabalho acabou usando o desfibrilador externo automatizado (DEA) no paciente após aplicar a reanimação cardiorrespiratória (RCP). “Eu estava indo para o trabalho no hospital local quando olhei pela janela do carro e vi um homem desmaiado em sua garagem”, diz o Dr. Mustafa Ali.

Drone entregando o desfibrilador
Imagem: Divulgação/Everdrone

“Percebi imediatamente que algo estava errado e corri para ajudar. O homem não tinha pulso, então comecei a fazer RCP enquanto pedia a outra pessoa que ligasse para o 112 [o número de emergência sueco]. Poucos minutos depois, vi algo voando acima da minha cabeça. Era um drone com desfibrilador”.

O sistema de entrega de drones na Região Västra Götaland é desenvolvido e operado pela empresa Everdrone, que desenvolve tecnologia para drones autônomos com foco em aplicações civis na saúde e resposta a emergências. A solução foi desenvolvida e melhorada em estreita colaboração com o Center for Resuscitation Science do Karolinska Institutet, SOS Alarm e Region Västra Götaland.

Em um estudo piloto de quatro meses testando o programa EMADE, o serviço recebeu 14 alertas de ataque cardíaco que seriam elegíveis para drones. Os drones decolaram em 12 desses casos e 11 entregaram os desfibriladores com sucesso. Sete desses desfibriladores foram entregues antes da chegada da ambulância.

De acordo com Everdrone, cerca de 275 mil pacientes sofrem de parada cardíaca anualmente, na Europa, com aproximadamente 70% dessas paradas ocorrendo em uma casa particular sem desfibrilador no local. A taxa de sobrevivência é de cerca de 10%. Atualmente, o serviço EMADE pode atingir 200 mil residências suecas. A empresa disse que planeja expandir seus serviços para mais locais na Europa este ano.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!



VER MATÉRIA ORIGINAL

Latest Posts