domingo, novembro 28, 2021

Últimas Postagens

Como Ficar Rico? Conheça a Melhor Forma de Construir Riqueza!

Um dos maiores interesses do brasileiro é aprender como ficar rico e atingir a liberdade financeira.

Isso porque, além do cidadão médio não ter uma condição muito confortável, a riqueza nos proporciona certas regalias que fazem a vida ser muito mais agradável.

Todavia, de certo modo a riqueza não traz felicidade quando não falamos de bens materiais, mas ela pode bancar um padrão de vida muito mais abastardo para as pessoas e nos permitir fazer coisas que amamos mas que têm um custo alto.

Portanto, neste artigo, vamos conhecer as melhores dicas de como ficar rico para alcançarmos nosso objetivo de construir um grande patrimônio e garantir nossa qualidade de vida financeira.

Então, vamos nessa?

O que é independência financeira?

A independência financeira é um termo que permite várias interpretações, principalmente quando queremos defini-la em valores exatos.

Contudo, a ideia geral é que ser independente financeiramente é não ser refém de um trabalho por causa do salário ou de uma situação desagradável por falta de dinheiro.

Nesse sentido, esse conceito também está relacionado com liberdade, seja geográfica, temporal ou financeira.

Portanto, para atingirmos esse objetivo, precisamos ter condições de tomar decisões baseados no conforto, não no dinheiro.

E como isso será possível? Através da construção de um patrimônio que gere uma renda passiva suficiente para custear todo o nosso padrão de vida, incluindo alguns luxos e diversões.

Desse modo, teremos um fluxo de dinheiro que não dependerá do nosso esforço e, assim, não teremos que trabalhar por necessidade, mas sim por prazer e/ou ambição.

Conheça os principais ativos para viver de renda

Mentalidade de como ficar rico

No livro Os Segredos da Mente Milionária, o autor cita alguns fatores fundamentais que separam aqueles que vão construir riqueza daqueles que vão permanecer pobres.

Em primeiro lugar, não podemos ser vitimistas, ou seja, você não pode achar que é digno de pena, mas sim assumir o protagonismo do seu sucesso.

Além disso, ao assumir esse protagonismo, você será otimista em relação ao futuro, pois você entende que ele só depende de você, e focará nas oportunidades ao invés de nos obstáculos.

É importante também que você admire o tipo de pessoa que você quer ser. Isso porque é impossível construir riqueza se você acha que todos os ricos são pessoas ruins.

Por fim, o autor também enfatiza um ponto que é muito abordado em outro clássico da educação financeira, Pai Rico Pai Pobre, que é a importância de construir patrimônio.

O autor desta obra fala que a principal diferença entre ricos e pobres é que aqueles acumulam ativos e estes acumulam passivos.

Ativos é aquilo que coloca dinheiro no seu bolso, basicamente investimentos, e passivos é aquilo que tira dinheiro do seu bolso, como produtos que você consome no dia a dia.

Todavia, isso não significa que não devemos comprar carros ou casas, mas sim que não devemos negligenciar o investimento em ativos que constituirão o nosso patrimônio.

Dessa forma, construiremos a riqueza necessária para custear todos os nossos lazeres, luxos, hobbies e diversões.

Entretanto, para além dessa questão da mentalidade, podemos tomar algumas atitudes que possibilitarão a conquista da nossa meta de ficar rico.

1. Tenha metas financeiras

De acordo com o que falamos até agora, nosso grande objetivo é ser rico a ponto de conquistar a independência financeira.

Contudo, é fundamental que definamos metas financeiras que servirão para construirmos um patrimônio que seja sólido e adequado ao nosso perfil e às nossas metas.

Por exemplo, você vai querer desfrutar a vida só quando tiver atingido a riqueza?

Provavelmente, sua resposta é não. Por isso, é importante que você invista em ativos que permitirão que você desfrute a vida mesmo antes de se tornar rico.

Nesse sentido, o primeiro passo é definir suas metas, que podem ser uma viagem, a compra de um carro, uma festa de casamento e uma aposentadoria mais tranquila.

Feito isso, será muito mais fácil escolher o ativo adequado para a conquista de cada meta e quanto cada ativo vai representar da sua carteira de investimentos.

Nesse processo, também é muito importante que você leve em consideração seu perfil de investidor antes de escolher as aplicações para investir.

2. Cuide muito bem das finanças pessoais

Uma das premissas de como ficar rico é que a entrada de dinheiro deve ser maior que a saída para possibilitar a poupança.

Nesse sentido, é preciso ter um controle rigoroso das finanças para garantir que esse fluxo de dinheiro aconteça como deve ser.

Caso contrário, você pode acabar contraindo dívidas cujos juros serão prejudiciais ao seu orçamento ou simplesmente não conseguir poupar tanto quanto você poderia.

Portanto, use o melhor método possível para manter suas finanças sempre sob controle e, assim, você vai conseguir otimizar seus resultados.

Dentre os métodos existentes, o mais simples e fácil de usar é um aplicativo de controle financeiro, como o Mobills.

Mobills – Controle de Gastos

Plataforma
Android, iOS e Web

Funcionalidades
Controle de contas, cartões e objetivos.

Preço
Gratuito com funcionalidades Premium (Paga)

Benefícios
App com ótima usabilidade e Design

Contudo, independente do método utilizado, o mais importante é que você cuide muito bem do seu dinheiro.

3. Evite fazer dívidas

O Brasil é um dos países com maior taxa de cheque especial, cartão de crédito e empréstimo do mundo. Isso porque o nível de inadimplência dos brasileiros é muito alto.

De todo modo, contrair dívidas é muito danoso para o orçamento daquele que está querendo acumular recursos e construir riqueza.

Sem dúvidas, a taxa dos dívidas é muito maior que o rendimento dos seus investimentos. Então, você dilapidará o seu patrimônio ao contrair dívidas.

Por isso, evite ao máximo fazer dívidas, e a melhor forma de fazer isso é tendo o controle das suas finanças e cuidando para que seu balanço mensal fique sempre no positivo.

4. Comece a investir o quanto antes

Na vida, existem muitas atitudes que tomamos que podem nos causas arrependimento no futuro, mas, começar a investir não é uma delas.

Pelo contrário, é muito comum entre as pessoas mais velhas o sentimento de que deveriam ter começado a investir mais cedo, quando eram jovens.

Isso acontece porque, quanto antes começarmos, maior será o nosso resultado no longo prazo e mais cedo e mais facilmente alcançaremos nossos objetivos financeiros.

Por isso, não perca tempo esperando ter muito dinheiro ou estar “preparado” para começar a investir. Busque formas de fazer sobrar dinheiro para que você possa aplicá-lo em ativos financeiros que constituirão o seu patrimônio.

Com o tempo ao seu lado, os resultados que você pode construir é imensurável.

como ficar rico com Charlie Munger, Bill Gates e Warren Buffett
Charlie Munger, Bill Gates e Warren Buffett estão entre os homens mais ricos do mundo / Foto: Lacy O’Toole

5. Aumente seus ganhos

Quanto mais, e antes, investirmos, maior será o nosso resultado no longo prazo.

Para isso, precisamos poupar mais, e isso só é possível quando a diferença entre o que ganhamos e quanto gastamos aumenta.

Portanto, devemos focar nessas duas frentes para atingirmos nosso objetivo. No que diz respeito aos nossos ganhos, precisamos aumentá-los.

Nesse sentido, devemos buscar aumentar nossos ganhos tanto na nossa fonte de renda principal quanto em uma possível renda extra.

A primeira exigirá que sejamos profissionais mais valiosos para que nossa remuneração aumente. Ou seja, podemos fazer uma especialização, tirar uma certificação, graduar-se em uma curso superior, ser mais produtivo em nosso serviço e qualquer outra coisa que nos acrescente.

Desse modo, a tendência é que o mercado (incluindo nosso patrão) reconheça nosso valor e nos remunere melhor por nosso trabalho.

Por outro lado, também podemos focar em fontes de renda alternativas que acrescentarão na nossa renda mensal.

Portanto, podemos fazer trabalhos extras, como aulas particulares, venda diretas, programa de afiliados, freelancer, entre outros.

Dessa forma, aumentaremos nossa capacidade de poupança e, por consequência, de investimento.

6. Gaste menos do que se ganha

Concomitante ao nosso esforço para ganhar mais, devemos empenhar nossas energias para reduzirmos ou cortarmos gastos desnecessários.

Para isso, podemos fazer um levantamento das nossas despesas e, assim, descobrir quais são aquelas que podem ser substituídas por despesas mais baratas e aquelas que podem ser cortadas.

Além disso, precisamos manter a vigilância constante para que esses gastos sejam mantidos sob controle e não extrapolem o limite estabelecido.

Se fizermos isso, conseguiremos manter nossos gastos bem abaixo dos nossos rendimentos e economizar mais.

Dessa forma, também impulsionaremos nossa plantação e potencializaremos nossa colheita.

7. Invista com constância

Em nenhuma hipótese, devemos subestimar a importância dos aportes regulares.

Quando temos a disciplina de investirmos regularmente, com uma frequência mensal de preferência, veremos nosso patrimônio cresce de modo mundo mais consistente.

Por outro lado, aquele que investe apenas quando dá ou apenas quando sobra, verá sua fortuna crescer de modo muito mais lento e irregular.

Por isso, destine uma parte do seu orçamento mensal para que seja aplicada em ativos financeiros com ótimo potencial de valorização.

Incluir isso no seu orçamento é importante, pois, além dos gastos necessário para a sobrevivência e lazer, devemos priorizar também a conquista de objetivos financeiros.

8. Foque no longo prazo

Os maiores resultados estão no longo prazo, não só porque o tempo favorece o efeito dos juros compostos, mas porque o curto prazo é imprevisível.

Nesse sentido, aquele que investe no curto prazo estará sujeito às oscilações do mercado que, na grande maioria das vezes, não está pautada na racionalidade.

Por outro lado, o longo prazo favorece aquele negócio bem gerido, com um modelo de negócio sustentável e que está inserido em um setor promissor.

Desse modo, se você investir em ativos de qualidade hoje, pode ter certeza que, no longo prazo, as chances de ele valorizar são muito grandes.

Quando falamos de títulos, o efeito do tempo na incidência dos juros é bastante significativo. Utilize nosso simulador de juros compostos!

Afinal, é possível ficar rico rápido?

Possível, é. Provável, não.

Se você ganhar na Mega-Sena ou tiver a sorte de receber uma grande herança, é possível que você fique rico do dia para a noite.

Contudo, qual é a probabilidade disso acontecer? Muita pequena. Por isso, você não pode deixar que seu sucesso dependa de fatores improváveis e que não dependem de você.

Faça o seguinte exercício: pegue a lista de homens mais ricos do mundo e veja quantos deles são jovens. Você verá que as maiores fortunas pertencem a pessoas mais velhas.

Isso acontece porque o sucesso e a riqueza não são construídos do dia para a noite, leva tempo e demanda muito esforço e disciplina.

Por isso, não busque ter resultados extraordinários em um curto espaço de tempo, mas tenha disciplina e paciência para colher os frutos no tempo certo.

Continue aprendendo!

Então, gostou de descobrir como ficar rico? Deixe sua opinião nos comentários, pois ela é muito importante para nós!

Ademais, veja nossos outros conteúdos sobre investimentos e finanças, no Blog Mobills e no canal do Mobills no YouTube.




VER MATÉRIA ORIGINAL

Latest Posts

Não Deixe de Ler