terça-feira, outubro 19, 2021

Últimas Postagens

Empréstimo para MEI: Melhores Opções para Microempreendedores

Sabemos que ser microempreendedor individual no Brasil não é uma tarefa fácil. Então, caso você precise de dinheiro para retomar seu negócio, ou mesmo organizar as contas e sair das dívidas, é muito importante que você conheça as melhores opções de empréstimo para MEI.

Após se planejar financeiramente e decidir que a melhor opção é fazer um empréstimo para seu negócio, falta saber em qual instituição você irá realizar o empréstimo.

Em busca de atender aos Microempreendedores Individuais, diversos bancos e instituições financeiras oferecem empréstimos para MEIs.

Para entender qual pode ser a melhor opção para você, leia o nosso artigo!

Linhas de empréstimo para MEI

Existem algumas alternativas de empréstimos para MEI que podem resolver seu problema, sendo uma delas o microcrédito.

Microcrédito

Como o próprio nome sugere, o microcrédito é um empréstimo de pequeno valor que tem como público principal os empreendedores formais que não possuem acesso a empréstimos ou créditos convencionais e desejam ampliar seu negócio.

É possível solicitar microcrédito de até R$ 20.000,00 e os pré-requisitos são:

  • Ser Pessoa Jurídica ou Física que pretende começar um negócio e desempenhe atividades produtivas de pequeno porte;
  • Ter uma receita bruta igual ou inferior a R$ 360.000,00; e
  • O uso do dinheiro deve ser destinado a projetos específicos, como capital de giro e investimentos na companhia.

Sabemos que não é fácil achar um lugar para conseguir microcrédito, pois a maioria dos bancos ou instituições financeiras cobram taxas abusivas ou possuem um serviço que deixa a desejar.

Por isso, visando facilitar sua vida, separamos os melhores lugares para conseguir seu empréstimo.

Microcrédito Santander

O microcrédito do Santander vem por meio de uma plataforma chamada Prospera, a qual dá condições especiais para microempreendedores e para pequenas empresas.

Valor Mínimo
R$ 500,00

Valor Máximo
R$ 15.000,00

Prazo para pagamento
4x – 24x

Taxa de Juros
4% ao mês

Microcrédito Itaú

Uma das opções de Microcrédito para MEI com facilidade e rapidez é fornecida pelo Banco Itaú.

Valor Mínimo
R$ 400,00

Valor Máximo
R$ 14.200,00

Prazo para pagamento
1x – 12x

Taxa de Juros
4% ao mês (reduzindo a cada renovação)

Microcrédito Bradesco

O Bradesco fornece uma boa linha de crédito a microempreendedores individuais sem a exigência de abrir uma conta corrente.

Valor Mínimo
R$ 500,00

Valor Máximo
R% 15.000,00

Prazo para pagamento
4x – 12x

Taxa de Juros
4% ao mês

Microcrédito Banco do Brasil

O Banco do Brasil oferece a microempresários uma razoável linha de crédito. Por ser um banco de natureza pública, o mesmo oferece condições diferenciadas a seus clientes.

Microcrédito Banco do Brasil

Valor Mínimo
R$ 400,00

Valor Máximo
R$ 20.000,00

Prazo para Pagamento
4x – 8x

Taxa de Juros
3,99%

Quais os tipos de empréstimos para MEI disponíveis?

Além do microcrédito, existem outras opções de empréstimo disponíveis MEI, como:

Cartão BNDES

O cartão BNDES é um cartão de crédito que visa financiar os investimentos de micro, pequenas e médias empresas e dos Micro Empreendedores Individuais (MEIs).

Vantagens

  • Limite de crédito pré-aprovado concedido pelo banco emissor de até R$ 2 milhões*;
  • Financiamento automático em até 48 meses, com o pagamento em prestações fixas e iguais; e
  • Taxa de juros atrativa.

*São de responsabilidade do banco emissor a definição do limite, a concessão do crédito e a cobrança. O cliente pode obter um cartão BNDES em quantos bancos emissores ele desejar. Caso um banco emissor trabalhe com mais de uma bandeira de cartão de crédito, o cliente poderá ter, nesse banco, um Cartão BNDES de cada bandeira, desde que a soma dos limites não ultrapasse R$ 2 milhões.

Empréstimo para MEI com garantia de imóvel

Sabemos que você certamente fica preocupado com as taxas de juros cobradas pelas instituições financeiras. Contudo, uma das opções mais recomendadas para MEI é o empréstimo com garantia de imóvel.

Utilizando um bem seu como terreno, apartamento ou casa é possível reduzir as taxas de juros do microcrédito solicitado.

Portanto, é bem razoável que as taxas cobradas reduzam e o valor das prestações a serem pagas também reduzam substancialmente.

Por fim, recomenda-se utilizar essa opção sempre em primeiro caso, mas esse é um processo com bastante burocracia, então, caso você precise de crédito rápido, essa não é uma boa opção.

Cheque especial Pessoa Jurídica ou LIS

A maioria dos bancos e financeiras, no momento de abertura da conta, disponibiliza ao cliente uma linha de crédito chamada de Cheque Especial ou LIS, como é bastante conhecido.

É um crédito para eventuais imprevistos e ideal para ser usado por pouco tempo. Além disso, já é disponibilizado no momento de abertura da sua conta corrente.

Funciona como se fosse um dinheiro seu mesmo, é só ir no caixa eletrônico e sacar o dinheiro.

No entanto, vale ressaltar que o limite disponível é possível de visualizar no extrato da conta corrente da sua empresa.

Geralmente, as instituições financeiras disponibilizam até 5 dias de cheque especial sem juros, ou seja, você pode utilizar 5 dias sem cobrir o cheque especial que não irá pagar juros. Porém, existem outros bancos, como o Santander, que disponibiliza 10 dias sem juros.

Capital de Giro

O Capital de giro é uma das peças mais importantes para o empreendedor, pois ele é o dinheiro necessário para manter o empreendimento e garantir a continuidade da empresa. Ele engloba tanto o valor disponível em caixa como os depositados em contas bancárias e contas a receber.

Com o Capital de Giro, é possível determinar os valores disponíveis para que a empresa cumpra seus deveres e faça novos investimentos, mesmo que haja um desfalque nos valores a receber ou uma queda de vendas de empresa.

Nesse sentido, é possível solicitar um capital de giro com seu gerente do banco ou da financeira.

Vale lembrar que o capital de giro tem taxas extremamente variáveis conforme o relacionamento que você possui com a instituição financeira.

Dúvidas frequentes sobre empréstimo para MEI

Para conseguir fazer um empréstimo para MEI, é preciso comprovar que o empréstimo será usado em benefício da empresa e não para uso pessoal. Em seguida, você deve ir a uma instituição financeira e solicitar o empréstimo.

O valor máximo de empréstimo para MEI está entre R$ 30.000,00 e R$ 50.000,00. Porém, para microcrédito, existe um valor máximo de R$ 20.000,00.

É possível solicitar um empréstimo para MEI por várias plataformas de crédito. Além disso, você também pode solicitar microcrédito nos links disponibilizados no começo do artigo.

Cada banco pode exigir diferentes documentos, porém, não esqueça dos principais:

  • RG, CPF, comprovante de residência e Certificado MEI;
  • Comprovante de renda: o ideal é ter os comprovantes de renda pessoal e da empresa; e
  • Plano de Investimento: é fundamental ter em mente (e também no papel) os motivos que o levaram a solicitação do crédito e onde esse dinheiro será aplicado.

Empréstimo para MEI vale a pena?

Em primeiro lugar, é necessário que você analise a sua situação financeira. Caso você conclua que a melhor opção é fazer um empréstimo, então, faça-o.

Afinal, as taxas de juros praticadas por muitas instituições financeiras estão extremamente atrativas para microempreendedores.

Mas, vale a pena lembrar que você deverá primeiramente decidir para quê precisa do empréstimo. É para quitar dívidas? Faça um empréstimo pessoal. É para alavancar seu negócio? Utilize o microcrédito.

Por fim, se você tem um bem disponível para oferecer como garantia, essa pode ser uma boa alternativa!

Caso tenha restado alguma dúvida, deixe nos comentários para que possamos saná-las. Além disso, se você gostou deste artigo, comente abaixo e compartilhe!

Não deixe, também, de acessar o canal do Mobills no Telegram e no Instagram @mobillsedu .




VER MATÉRIA ORIGINAL

Latest Posts

Não Deixe de Ler