terça-feira, outubro 19, 2021

Últimas Postagens

Cooperativismo assume protagonismo em diferentes regiões brasileiras

No Brasil, o cooperativismo está presente em sete ramos diferentes: agropecuário, de consumo, crédito, infraestrutura, saúde, segmento de produção de bens e serviços e transporte. Só no agro, são 1.173 cooperativas, atingindo mais de um milhão de cooperados e mais de 220 mil empregados.

A empregabilidade no setor é crescente e engloba várias áreas, como a agronomia. Na região Sul do país, o engenheiro agrônomo Carlos Alberto Konig é um exemplo de profissional que atua no departamento técnico da cooperativa Cvale. “A agronomia foi muito importante para o cooperativismo. Ela se desenvolveu em boa parte em termos de produtividade, de verticalização, e isso faz com que a cooperativa tenha se fortalecido muito com a assistência técnica, com a consultoria agronômica, aumentando a produtividade do produtor e aumentando a fidelização por parte dos nossos associados”, define.

Em Mato Grosso, a força do cooperativismo também ganha espaço na agropecuária. Por lá, esse modelo de negócios é tão pujante que se as cooperativas fossem o país, estariam entre os dez maiores produtores do mundo de soja em grão, milho e também pluma de algodão. “Nós temos agregações, primeiro pelo próprio ganho de escala. Quando se verifica e se conversa com as indústrias, obviamente algumas cooperativas aqui do estado estão falando em negociações de 180 a 200 mil hectares. O peso de uma negociação dessa com o fornecedor é importante pelo volume de produto que está se adquirindo, e importante se dizer também pela solidez que existe nesses casos”, definiu.

Receita bilionária

Do outro lado do país, as experiências com o cooperativismo também têm feito a diferença, com números positivos para a economia de Santa Catarina. A receita operacional bruta é de mais de 49 bilhões. “Nas áreas de atuação da agronomia, se busca minimização do gasto de energia para que ocorra uma transformação com o menor custo e uma produção maior”, enfatiza o engenheiro agrônomo da Cooperalfa, Alexandre Rogério Ramos.

O projeto Agronomia Sustentável é uma parceria do Canal Rural com o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), os Conselhos Regionais (Creas) e Organização das Cooperativas Brasileiras. O programa vai ao ar aos sábados, às 9h, com reprise aos domingos, às 7h30.

VER MATÉRIA ORIGINAL

Latest Posts

Não Deixe de Ler