terça-feira, outubro 19, 2021

Últimas Postagens

Alimentação pós-Covid: a importância de recuperar sua saúde

Após meses em meio á pandemia, não é novidade para ninguém que a doença pode deixar diversas sequelas, inclusive relacionadas ao apetite alimentar e o sistema imunológico. Dessa forma, para recuperar o bem-estar físico e mental, a alimentação pós-Covid é uma das maneiras mais práticas e eficientes para acelerar a recuperação do organismo.

Seja em casos mais leves, que não precisam de hospitalização, ou em manifestações mais graves da doença, algumas sequelas ao sistema respiratório e imune podem aparecer.

Então, apostar em alimentação saudável e natural, com alto valor biológico pode ser uma boa maneira de combater possíveis resultados da doença. Sendo assim, sintomas como cansaço, dor de cabeça e memória enfraquecida podem ser atenuados de forma simples.

Movimentar-se regularmente ajuda no recondicionamento muscular e aeróbico. Noites de sono de qualidade auxiliam na recuperação do organismo. E, por fim, uma alimentação balanceada pode ser o combustível ideal para combater as sequelas da Covid-19.

A importância da vitamina D

De acordo com o cardiologista e nutrólogo Daniel Magnoni, chefe de nutrologia do Instituto Dante Pazzanese, em São Paulo, um dos nutrientes fundamentais é a vitamina D. “Ela participa de diversos mecanismos metabólicos relacionados à melhora da imunidade e processos de defesa contra infecções, além da formação dos glóbulos brancos, primeira linha de defesa da imunidade”, explica.

Segundo a Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP), a maior fonte de vitamina D que existe vem da luz do sol. A recomendação é de, em média, 15 minutos de exposição solar por dia. Na alimentação, os principais complementos do nutriente são peixes ricos em ômega 3, como o salmão, atum e sardinha. Além disso, fígado de boi, gema de ovo e derivados de leite também apresentam bons níveis da vitamina.

Outros alimentos que não podem faltar na mesa de quem quer se recuperar das sequelas da Covid-19 são as carnes magras. Ótimas fontes de proteína, eles auxiliam no ganho e manutenção de massa muscular, fortalecendo o organismo na totalidade. “A indicação de suplementos especiais para promover a formação de massa magra (músculos), também é um ponto a ser considerado”, ressalta Magnoni.

Evite alimentos não saudáveis

Mas, além de investir na vitamina D e carne magra, Magnoni explica que é necessário evitar o excesso de alimentos não saudáveis. “Para uma boa recuperação pós-Covid é importante focar em alimentos que contenham nutrientes atuantes no nosso metabolismo, sem excesso de açúcar ou gorduras, principalmente a saturada de origem animal”, conta.

Fonte: Daniel Magnoni, chefe de nutrologia do Instituto Dante Pazzanese, em São Paulo.

VER MATÉRIA ORIGINAL

Latest Posts

Não Deixe de Ler