terça-feira, outubro 19, 2021

Últimas Postagens

44ª edição da feira chega ao fim com alto volume de negócios

Terminou neste domingo, em Esteio (RS), a 44ª edição da Expointer. Ao contrário do ano passado, em que a feira aconteceu de forma online, o Parque de Exposições Assis Brasil recebeu visitantes presencialmente . Apesar da limitação de público, o volume de negócios surpreendeu os organizadores.

Foi a “Expointer da retomada”, na avaliação geral. Depois de dois anos, a maior feira de agronegócio da América Latina viu de novo o interesse do público formar filas. O limite foi de 15 mil visitantes por dia, menos de 30% da capacidade e seguindo todos os protocolos sanitários. Mesmo assim, os competidores da tradicional prova do Freio de Ouro puderam sentir de novo a vibração das arquibancadas.

Os mais de 200 expositores tiveram oportunidade de fazer negócios, desde as máquinas pesadas como essa escavadeira anfíbia que flutua de 40 toneladas que vale 1.800.000 reais, até o a mostarda de jabuticaba produzida pelo seu Geilson que custa 15 reais, uma das atrações dos 7 mil metros quadrados de gostosuras do pavilhão da Agricultura Familiar.

A feira cumpriu neste ano também um dos seus principais objetivos, segundo os organizadores: atrair o público urbano para conhecer a realidade do campo. Mostrar, por exemplo, que o leite que consumimos todos os dias não vem da caixinha.

“A gente está acostumado a consumir e não prestar atenção em como os alimentos chegaram à nossa mesa, então quando a gente vem aqui, consegue compreender a qualidade de tudo o que a gente come”, disse o personal trainer Christian Voss, um dos visitantes da exposição.

No pavilhão dos animais, famílias inteiras puderam ver de perto mais de 4 mil exemplares de 86 raças diferentes. Alguns premiados pela sua morfologia, como o touro de 1.245 quilos.

As principais autoridades políticas, como o presidente da República, Jair Bolsonaro, o vice Hamilton Mourão, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, estiverem presentes e testemunham a força da agropecuária gaúcha e do Brasil.

“Um evento fantástico que promove nosso agronegócio e mostra que o Brasil está na liderança da produção rural”, declarou Bolsonaro. “Para ir embora daqui, vou precisar de um caminhão para levar tantos produtos que ganhei”, disse a ministra. “A Expointer tem um peso político ímpar”, afirmou Leite.

A feira recebeu em nove dias pouco mais de 65 mil pessoas, número que seria registrado em apenas um domingo normal. Mesmo assim, o volume de negócios foi muito expressivo: R$ 1,6 bilhão, ou 65% do valor obtido em 2019.

VER MATÉRIA ORIGINAL

Latest Posts

Não Deixe de Ler